Home   |   Contato   |   Associe-se   |   Serviços   |   Convenções Coletivas   |   Índices Econômicos   |   Localização

Notícias

BNDES apresenta mudanças e nova linha de financiamento direto para médias empresas

12/06/2018

Direcionada a companhias com faturamento acima de R$ 50 milhões, BNDES Giro promete movimentar o setor químico; outras linhas de financiamento seguem com condições especiais

O BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social) se fez presente em uma reunião de diretoria no Sinproquim para apresentar as principais mudanças realizadas recentemente pelo banco a fim de atender, de forma mais atrativa e produtiva, micros, pequenas e médias empresas interessadas em financiamento. Na ocasião, apresentou como destaque a BNDES Giro, nova linha para capital de giro que não precisa estar vinculada a nenhum projeto e promete financiamento mínimo de R$ 10 milhões com condições muito melhores do que as alternativas vigentes no mercado.

Segundo Pedro Paulo Dias, gerente setorial do banco, esse contato direto entre BNDES e empresa torna o custo ainda mais baixo. “Trata-se de uma linha nova por meio da qual o banco pode financiar capital de giro livre diretamente com as empresas que faturam acima de R$ 50 milhões ao ano”, comentou explicando que dentro dessa linha a taxa real, que já integra o IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo), gira entre 4% e 7%. “Esse é o custo total do financiamento e as empresas não conseguem taxas semelhantes no mercado”.

O fato do BNDES considerar a inflação para formatar sua taxa é uma das grandes vantagens segundo Martim Francisco de Oliveira e Silva, engenheiro da entidade. “Dentro desta taxa que varia de 4% a 7% a única parcela que é variável é o IPCA. Outros produtos do mercado são indexados ao CDI (Certificado de Depósito Interbancário) ou ao câmbio e isso faz com que a empresa possa estar em uma situação bastante desfavorável em um período de 12 meses”, enfatizou lembrando que no caso do BNDES Giro as empresas mantem-se muito mais protegidas da variabilidade financeira.

O prazo da BNDES Giro também merece ser destacado, visto que, de forma incomum ao que o empresariado está habituado, oferece até cinco anos para pagamento, com carência de até 24 meses. “O banco fez essa linha especialmente para tentar dinamizar a economia. As indústrias estavam travadas e tinham dificuldade em encontrar financiamento até mesmo para compra de matéria-prima, pagamento de fornecedores e aquisição de equipamentos. O capital de giro deve ser destinado a isso, a fazer com que a companhia volte a produzir mais rápido”, comenta Silva.

Por não estar vinculada a nenhum projeto específico, a solicitação e a obtenção do financiamento tornam-se muito mais rápidos, principalmente agora que o BNDES recebe as propostas via Internet. Como exemplo de como essa mudança tornou o processo ainda mais dinâmico, Dias exemplificou que após apresentar à uma empresa como era o processo online para submeter sua solicitação, ela demorou apenas uma semana para fazer a requisição.

O grande interesse do BNDES em contribuir com o giro da economia brasileira faz com que ele atue com todos os portes empresariais do país, porém há uma crescente demanda das micro, pequenas e médias empresas. “Hoje mais de 50% dos financiamentos emitidos pelo banco estão com micro, pequenas e médias empresas. É um montante já consolidado e que vem crescendo ao longo do último ano”, comenta Dias. “Mas não estamos fechando as portas para ninguém. Queremos que as empresas invistam no Brasil, tragam projetos, abram vagas de emprego, criem melhores produtos para tornarem-se ainda mais competitivas. É nisso que apostamos e é para isso que continuamos apoiando cada vez mais”, comenta Silva lembrando de outras linhas de financiamento como o Cartão BNDES.

Para dar mais visibilidade às linhas de financiamento e às vantagens de negociações diretas com o BNDES, o banco está organizando um evento junto ao Sinproquim especialmente para apresentar as inúmeras possibilidades de crédito e esclarecer as principais dúvidas dos gestores e tomadores de decisão da indústria química. Fique atento às nossas redes e comunicações para participar deste evento e impulsionar o crescimento e o desenvolvimento da produção nacional.

Além disso, mais informações sobre a BNDES Giro estão disponíveis AQUI. O portal do banco também oferece um Guia do Financiamento, por meio do qual é possível entender como a entidade funciona, quem pode ser cliente, que tipo de projeto pode ser financiado e quais as condições. Para acessar o guia, clique AQUI.

Sinproquim
Sindicato das Indústrias de Produtos Químicos
para Fins Industriais e da Petroquímica no
Estado de São Paulo.

Rua Rodrigo Cláudio, 185 - Bairro Aclimação
01532-020 - São Paulo - SP
11 3469-0455
sinproquim@sinproquim.org.br

Ver localização no mapa
Institucional   |   Associados   |   Guia   |   Assessorias   |   Contribuição Sindical   |   Cursos e Eventos   |   Notícias   |   A Química

Home   |   Contato   |   Associe-se   |   Informativos   |   Convenções Coletivas   |   Índices Econômicos   |   Localização



Desenvolvido por Fábrica C Comunicação