Notícias do Setor

Entre as medidas anunciadas está a ampliação do limite de enquadramento das MPME’s, que passa de R$ 90 milhões para R$ 300 milhões.

Empresas terão sete meses para atender às exigências estabelecidas na Resolução 5.232, de 16/12/2016, para o transporte de produtos perigosos

Durante os protestos contra a aprovação da PEC 55, o prédio da Fiesp foi atacado. Para o Sinproquim, atitudes violentas não trazem benefícios ao País.

As negociações com os sindicatos foram finalizadas em 29 de novembro. O reajuste salarial será de 8,5% - 6% em novembro e 2,5% em junho de 2017.

A Fiesp consultou 269 empresas. Endividamento e menor geração de caixa comprometem investimentos e a retomada do crescimento econômico.

Jorge Fornari, autor do livro “O executivo na essência”, analisou as razões que nos levam a fazer coisas com as quais nós mesmos não concordamos.

A NR 12 trata da segurança no trabalho em máquinas e equipamentos. O substitutivo do senador Armando Monteiro será apreciado pela CCJ.

Em palestra no Café com Opinião, o economista alertou que tudo depende da continuidade da agenda reformista pelo presidente a ser eleito em 2018.

Propostas devem ser enviadas até o dia 25 de novembro. Podem ser enviadas proposições sobre normas do MDIC, Inmetro, Suframa, INPI e ABDI.

A revisão da NBR 7500, em consulta pública, trata da identificação para o transporte, manuseio, movimentação e armazenamento de produtos.

A opção pelo parcelamento de débitos vencidos até maio de 2016 poderá ser feita até 11 de dezembro. Os débitos poderão ser parcelados em até 120 meses.

O aumento salarial será de 8,5%, escalonado: 6% agora em novembro e 2,5% em junho de 2017 para salários até R$ 7.929,13. Veja a íntegra da convenção.

O regime desonera de tributos os insumos utilizados na produção de bens destinados à exportação. Veja a apresentação realizada pelo Decex.

O teto do faturamento bruto anual foi elevado para EPPs e MEIs. Também foi aprovado o parcelamento de débitos apurados na forma do Simples Nacional.

Somente no setor químico e petroquímico serão necessários mais de 327,6 mil novos trabalhadores qualificados. O levantamento foi feito pelo Senai.