Home   |   Contato   |   Associe-se   |   Assessorias   |   Convenções Coletivas   |   Índices Econômicos   |   Localização

A Química

A Química que embala




Há quem pense ao contrário, mas vida de bebê não é fácil. Entre o mamar e o dormir, há uma série de coisas que o bebê precisa, vamos dizer, suportar. Passar de colo em colo, fazer gracinhas, aguentar as cocegazinhas, beliscões nas bochechas, cumprir horário, tomar banho, mamar. O bebê não pode nem mesmo escolher sua roupa ou opinar sobre o cardápio. Não é fácil não. 

Mas, sem a Química, a vida do bebê — e a dos pais — seria muito mais difícil. Como bebê ainda não sabe ir ao banheiro, o recurso é a fralda. Há muito tempo, usava-se um pano que, entre outros inconvenientes, a depender do grau de saturação do tecido, conseguia conter apenas os “resíduos” sólidos — o líquido, muitas vezes, era absorvido mesmo pela roupa de quem segurava o “travesso”. Hoje, a Química praticamente eliminou o risco de vazamentos. As fraldas modernas utilizam o poliacrilato de sódio, um polímero superabsorvente capaz de reter uma quantidade de água superior a muitas vezes o seu peso; além de fibras de polipropileno, que permitem a rápida passagem do líquido para o painel absorvente; e filmes de polietileno, para impermeabilização. Graças à Química, trocar a fralda ficou tão fácil que até pais e tios já podem realizar essa delicada operação, antes restrita a mães e avós. 

Há mais. O alfinete metálico que prendia a fralda, e que tantos sustos já causou, foi substituído por fitas adesivas, fixadas com adesivo holt melt. O sabonete infantil, para aquela higiene tão necessária, pode incluir em sua fórmula o dióxido de titânio e o sulfato de magnésio para proteger a sensível pele do bebê. O talco pode ter sido formulado com estearato de zinco e cloreto de benzalcônio. A roupa do bebê, que a mamãe escolheu com tanto carinho, mas que para ele é a tela ideal para pintar com papinhas, sucos e outras espécies de coisas que grudam, pode ter sido fabricada com fibras acrílicas combinadas com lã ou algodão. E, na hora da lavagem, lá também estará a Química, com tensoativos e amaciantes para assegurar uma roupa macia, bonita, cheirosa, livre de resíduos e bactérias. Afinal, também para a Química, a melhor recompensa de todo esse trabalho é o sorriso alegre e saudável de um bebê. 

Alerta aos pais: Descarte sempre corretamente as fraldas. Comece, enrolando-a pela parte da frente, prenda com as fitas adesivas e jogue a fralda usada no lixo. Ajude a preservar o meio ambiente em que seu filho crescerá.

 

Sinproquim
Sindicato das Indústrias de Produtos Químicos
para Fins Industriais e da Petroquímica no
Estado de São Paulo.

Rua Rodrigo Cláudio, 185 - Bairro Aclimação
01532-020 - São Paulo - SP
11 3469-0455
sinproquim@sinproquim.org.br

Ver localização no mapa
Institucional   |   Associados   |   Guia   |   Assessorias   |   Contribuição Sindical   |   Cursos e Eventos   |   Notícias   |   A Química

Home   |   Contato   |   Associe-se   |   Informativos   |   Convenções Coletivas   |   Índices Econômicos   |   Localização



Desenvolvido por Fábrica C Comunicação